CIRCUITO PIOLLIN

Para o Piollin, a oportunidade de circular com A Pá pouco tempo depois de sua estreia (2013) significava ampliar consideravelmente a recepção do espetáculo e, consequentemente, o debate sobre o teatro contemporâneo, constituindo experiência essencial para o grupo e para o público.

Apresentando o espetáculo A Gaivota (alguns rascunhos) no mesmo projeto, apostamos na possibilidade de potencializar o debate com o público, que teria a chance de cotejar dois espetáculos construídos em torno das linguagens artísticas contemporâneas e formar, assim, uma ideia de conjunto.

O Prêmio Myriam Muniz 2013 permitiu-nos apresentar nosso repertório nas cidades de Campina Grande e Bananeiras (PB), Mossoró (RN), Fortaleza (Ce) e Recife (PE). Ainda, realizamos intercâmbios com dois grupos de teatro – o Teatro Máquina, da cidade de Fortaleza (CE), e O Pessoal do Tarará, de Mossoró (RN) – e uma oficina no município de Bananeiras (PB).